1967 - 1974

145

No final de novembro de 1967, a Volvo apresentou a terceira versão do veículo que, naquele momento, já estava sendo desenvolvido como parte de uma família completa de veículos, conhecida como a Série 140: o Volvo 145.

O Volvo 145 era uma station wagon de 5 portas, com uma parte traseira que apresentava uma porta do porta-malas praticamente vertical. O consenso geral era que este era um veículo seguro, confortável, extremamente prático e espaçoso. O volume de carga era superior a 2 metros cúbicos, e o assoalho da área de carga era totalmente plano.

Este design da parte traseira ficou conhecido desde então como uma característica de todos os veículos station wagon da Volvo.

Rapidamente, o Volvo 145 tornou-se uma station wagon muito popular, desempenhando um papel cada vez mais importante na Série 140.

As mudanças anuais aplicadas paralelamente às versões de 2 e 4 portas eram praticamente as mesmas. Uma modificação visível ocorreu em 1970, quando a janela lateral traseira desapareceu e deu lugar a uma janela mais comprida, em uma única peça, depois das portas traseiras.

Especificações Técnicas

Modelo: 145
Variantes: Express, teto elevado
Período de fabricação: 1967-1974
Volume: 268.317
Carroceria: station wagon, 5 portas
Motor: 4 cilindros em linha, com válvulas no cabeçote, 1.778 cc, 84,14 x 80 mm, e 1.986 cc, 88,9 x 80 mm, em várias versões de potência.
Transmissão: manual de 4 velocidades ou manual de 4 velocidades com overdrive elétrico ou automática de 3 velocidades.
Freios: freios a disco hidráulicos nas quatro rodas.
Dimensões: comprimento total de 464 cm, distância entre eixos de 260 cm.