1968 - 1975

164

No outono de 1968 a Volvo apresentou o Volvo 164. Era uma evolução do Volvo 144, mas ocupava uma posição de maior prestígio.

A principal diferença em termos técnicos era que o Volvo 164 tinha um motor de 3.0 litros em linha, com 6 cilindros. Este motor tinha sido desenvolvido a partir do motor de 2.0 litros, com 4 cilindros, introduzido na mesma altura, em 1968, para a Série 140. Desde o início que o 164 tinha dois carburadores e, mais tarde, foi também disponibilizado com injeção de combustível.

Foi a primeira vez, em 10 anos, que a Volvo pôde oferecer um carro de 6 cilindros. A última vez tinha sido quando foram construídos os táxis da Série 830.

No entanto, para os carros destinados aos compradores privados, há já quase 20 anos que a Volvo não tinha carros com 6 cilindros, desde que cessou a produção do PV60 em 1950.

Quando falamos do exterior do 164, a dianteira tinha o seu estilo muito próprio. O capot era mais longo para poder alojar o motor de maior volume. A forma da dianteira também conferia grande prestígio devido à grelha de grandes dimensões.

No interior, os bancos eram totalmente diferentes. Os materiais eram mais luxuosos e era possível escolher os estofos em couro.

O Volvo 164 foi produzido entre 1968 e 1975. A maioria dos carros produzidos durante o último ano foram enviados para os EUA.

Especificações técnicas

Modelo: 164
Produzido em: 1968-1975
Volume: 146 008
Carroçaria: Sedan de 4 portas
Motor: 6 cilindros, em linha, válvulas à cabeça, 2978 cm³, 88,9x80 mm, 135-175 cv.
Transmissão: Manual de 4 velocidades, manual de 4 velocidades com overdrive elétrico ou automática de 3 velocidades.
Travões: Hidráulicos, discos em todas as rodas.
Dimensões: Comprimento geral 470 cm, distância entre eixos 270 cm.