Propriedade

Tempo - o seu recurso mais valioso

De que forma dar uns minutos extra por dia às pessoas poderá beneficiar mais do que apenas as suas agendas?

O que faria com um pouco mais de tempo?

Muitos de nós já sentiram que prolongar o dia com uma meia hora adicional daria mesmo muito jeito. A indústria de livros de autoajuda em gestão do tempo está pujante. Mas se alguém realmente tornasse isso possível para nós, poderíamos dizer honestamente que usaríamos esses minutos extra para fazer algo de que gostamos? 

Pense na sensação de satisfação quando de repente dispõe de uma hora de genuíno tempo livre a meio do dia. Já fez todo o seu trabalho, o cão ainda está em casa da dogsitter, a casa está em ordem e tem os seus afazeres pessoais todos em dia. 

De repente, as oportunidades perfilam-se num ápice. Talvez pudesse ligar a alguém que não vê há algum tempo. Experimentar fazer uma sanduíche nova. Dar uma corrida. Ver os episódios em falta da sua série de TV favorita.

1/3

Tempo = felicidade

Uma série de estudos recentes mostrou que o tempo e a felicidade estão intimamente ligados. Mas poderíamos também argumentar que é necessária uma mudança de atitude para que possamos abraçar esta ideia – aprender a ver o potencial de lazer e diversão em qualquer tempo livre que tenhamos. 

A Volvo Cars está a trabalhar no sentido de, em 2025, devolver aos seus condutores uma semana de tempo por ano. (Uma semana completa. Podia ir de férias com esse tempo.) Tal insere-se na iniciativa de sustentabilidade Omtanke, que poderá parecer estranha à primeira vista: Fará o tempo parte da sustentabilidade? Bom, a felicidade certamente que sim: e eis porquê.
“Uma boa empresa faz também os seus clientes felizes, oferecendo-lhes algo que eles considerem genuinamente útil e agradável. Como uma semana extra, por exemplo.”

Poupar tempo

O conceito de Tripé da Sustentabilidade, desenvolvido pelo autor John Elkington em 1994, reescreveu a sustentabilidade corporativa enquanto conceito tripartido, melhor resumido como “pessoas, planeta e lucro”. Acredita-se também que, caso se remova uma parte do puzzle, tudo fica comprometido – eventualmente inutilizado até.

Com o Tripé da Sustentabilidade, as pessoas estão em primeiro lugar. As empresas abordam este conceito assegurando-se de que os seus funcionários estão felizes, são tratados com justiça e bem-sucedidos. Mas uma boa empresa faz também os seus clientes felizes oferecendo-lhes algo que eles considerem genuinamente útil e agradável. Como uma semana extra, por exemplo.

Por muito futurista que soe os proprietários da Volvo conseguirem uma semana de tempo de volta, como algo tirado do filme Regresso ao Futuro, não são precisos condensadores de fluxo no automóvel e atingir uma velocidade de 140 km/h em plena tempestade. Em vez disso, o que significa é que o seu automóvel irá ele próprio tratar de aspetos que anteriormente cabiam apenas a si. 

Como aquecer o motor, por exemplo, ou até conduzir. Estes desenvolvimentos irão tornar os veículos melhores, mais seguros e mais limpos. E darão ainda a si a oportunidade de estar mais calmo, menos stressado, mais consciente, mais focado no que faz. Irão também permitir-lhe fazer mais daquilo que o faz feliz.

Desfrute sabiamente

Em última análise, cabe-lhe a si decidir como passar a sua semana extra. Mas pense em colocar a ênfase no prazer em vez da necessidade. A Volvo Cars sabe como fazer para lhe dar mais tempo. Como gastá-lo cabe-lhe então a si – de forma ponderada ou inconsequente, mas naquilo que lhe traz felicidade.